Formas de Terapia

fevereiro 25, 2020


1. Terapia Individual


Trata-se de um método profundo baseado na fala, que busca elementos inconscientes significantes e auxilia na tomada de consciência, fazendo com que as pessoas tenham maior conhecimento sobre elas mesmas e tenham poder sobre suas próprias vidas e escolhas. Através da Terapia individual é possível entender suas emoções, assim como pensamento reprimidos, desejos, sentimentos e condutas.


Compreender seus desejos, emoções e atitudes é o primeiro passo para a autoestima e para a projeção futura. Além disso, quando conhecemos a fundo nosso ser, temos o poder de nos relacionar melhor com as pessoas em nossa volta.



2. Terapia em Grupo


​Os benefícios da Terapia em Grupo

Na terapia em grupo as interações entre os membros do grupo e os terapeutas tornam-se o material com o qual a terapia é conduzida, juntamente com experiências passadas e as experiências fora do grupo terapêutico. Essas interações não são necessariamente tão positivas como no relato acima, uma vez que os problemas que o paciente possui em experiências na vida cotidiana também vão mostrar-se na sua interação no grupo, permitindo-lhes ser trabalhado através de uma configuração terapêutica, que podem gerar experiências. O que seria traduzido como "vida real". A terapia em grupo não se baseia em uma singular teoria psicoterapêutica, mas o que leva a muitas outras obras.


Explorando questões num contexto social, refletindo mais fielmente sobre a vida real.


A terapia em grupo proporciona uma oportunidade para observar e refletir sobre a sua própria habilidade social, bem como a de outros.


A terapia em grupo proporciona uma oportunidade para se beneficiar tanto através de uma participação ativa como através da observação.


A terapia em grupo oferece uma oportunidade de dar e receber apoio imediato; sobre preocupações, questões e problemas que afetam a sua vida.


Os membros de uma terapia em grupo se beneficiam, trabalhando através de um conjunto de questões pessoais, dando suporte; em um ambiente confidencial e por ajudar os outros a trabalharem também através deles.


3.Terapia Sexual

Terapia sexual é o tratamento de disfunções sexuais, tais como: não-consumado, ejaculação precoce, disfunção erétil, libido baixa, fetiches sexuais não-desejados, vício sexual, sexo doloroso ou uma falta de confiança sexual, assistência de pessoas que estão se recuperando de agressão sexual, problemas em geral causados por estresse, fadiga e outros fatores ambientais e de relacionamento. Terapeutas sexuais assistem aqueles que estão experimentando problemas na superação destas (disfunções) e que ao realizarem-na possivelmente readquirem uma vida sexual ativa.




4.Terapia Familiar

A Terapia familiar, muitas vezes associada à sua variante de terapia de casal, e conhecida como terapia familiar sistêmica — devido à sua origem no seio do Modelo Sistêmico —, é um tipo de terapia que se aplica a casais ou famílias, onde os membros possuem algum nível de relacionamento. A terapia familiar sistêmica tende a compreender os problemas em termos de sistemas de interação entre os membros de uma família. Desse modo, os relacionamentos familiares são considerados como um fator determinante para a saúde mental e os problemas familiares são vistos mais como um resultado das interações sistêmicas, do que como uma uma característica particular de um indivíduo.

Os terapeutas familiares costumam orientar o seu foco de intervenção mais para o modo como os padrões de interação sustentam um problema, do que propriamente para a identificação das suas causalidades. Considera-se que a família como um todo é maior do que a soma das partes.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.